quarta-feira, 28 de julho de 2010

MICHAEL FALA SOBRE JOSEPH EM UMA CARTA DE 2005


Esta carta foi divulgada em um vídeo na Internet e se supõe que a autoria seja de Michael.

Fica aqui o registro para a reflexão de cada um que a ler, baseando-se em seu conteúdo que,  acredito merecer nossa atenção.


 TRADUÇÃO

"Penso que, basicamente, quando eu fugi da minha tristeza. Talvez porque eles me perseguiram durante tantos anos. Lembro-me bem da primeira vez que me senti realmente triste. Meu pai tinha vindo de shows nervoso, sem dinheiro nem para compras naquela semana. Ele queria que eu fosse dormir cedo para no dia seguinte, ensaiar com os meus irmãos que faziam isso repetidamente, várias vezes ao dia. Depois disso só me lembro de estar escondido atrás de um pequeno hall que dava para a sala, ainda sem conseguir dormir, e depois do meu primeiro espancamento.

Primeiro, realmente, eu estava chorando atrás da porta , mas eu fui para a cama como ele queria.Eu olho para ele, eu sei o que ele estava se sentindo depois de me bater. Eu chorei, talvez pela primeira vez, de tristeza profunda. O cara que eu pensei ter me colocado no mundo não foi tão bom neste momento. Creio que esta foi a minha primeira grande decepção com alguém, e talvez a primeira de muitas decepções  da minha vida com os homens. A culpa não foi dele (não que eu queria na época, é claro), mas ele tinha deixado de ser a pessoa em quem eu confiava mais. A pessoa por quem eu sou protegido de todo mal, que me daria um afeto incondicional, que me ama, mesmo quando faço coisas erradas e consideradas feias. Naquele dia eu descobri que não. Eu precisava ser de uma maneira diferente do que eu realmente era para que ele me amasse de verdade. Necessita de ir para a cama cedo, precisa estudar, precisa fazer uma lista de coisas que de alguma forma, eu ainda tento fazer hoje. Eu preciso fazer melhor, melhor, perfeito. Eu não era perfeito e que eu tinha que provar, por mais B. Precisa mudar muito, mais uma vez. Coisas, é claro, que eu nunca fiz. 

Naquela noite eu chorei e não foi de dor. Foi de tristeza. Tristeza porque eu finalmente compreendi o mundo em que eu estava. Uma tristeza muito solitária, uma solidão profunda de alguém que durante cinco anos precisou aprender alguma coisa. Hoje eu sei que estava tudo errado. Que superestimei, fantasiei  um pai que não era para ser. Ele era uma pessoa que tinha, como muitos, sofrido muito na vida. E ele tem aprendido, talvez, até mais cedo do que eu, naquele momento, que houve pessoas que agiram como você queria e não tinha nada mais a fazer do que proteger. Eu sei como ele se arrepende dessas coisas hoje. Eu sei como ele me perguntou sobre o perdão e eu perdôo. 

Infelizmente, eu não sei se me sinto triste e sozinho. Depois de tudo isso é algo que nossos pais e ninguém no mundo pode nos proteger. Mas o que eu fiz, também não foi legal para mim mesmo. Aprendi que o homem deve ser perfeito e executar, tanto quanto pode, de tristeza. Sempre me senti triste, e era comum na minha infância e adolescência, uma vez que é a vida, eu estava fugindo. 

Eu chamo uma música e uma apresentação alta e cheia de jazz (sim, eu sou do tempo em que se dança jazz) para a minha avó. Eu comi uma barra de chocolate inteira enquanto estava assistindo TV. Não entendem que para ser feliz, também teve que ser triste. Também tive que chorar atrás do hall e deixar as lágrimas fluindo e, eventualmente, tornar-se nada. 

Eu não entendia nada até depois dos meus 30 anos. E só depois de 30 anos é que eu percebi que você não pode escapar da tristeza. E a velha lição que volta, dizendo que as pessoas são o que são e o que elas vão fazer para mudar ou não alguma coisa.

E em um turbilhão de emoções negativas e frustrantes, finalmente decidi olhar a tristeza. Sentei, falei, pensei numa longa conversa sobre todas as vezes em que ela se aproximou de mim e me pergunto, você sabe o que descobri? Que a tristeza, realmente, só queria me proteger. Eu queria me deixar triste para que eu pudesse olhar e pensar mais em mim mesmo. Eu queria a minha dor, porque não uma doença, um problema de estômago, alguma pedra na vesícula biliar. Homem, triste, porque você não me disse isso antes?

O que eu concluo da minha experiência com a tristeza é que ela é minha amiga. Não gosto de passar muito tempo porque eu me saturo, e ela acaba saindo, mas daqui para frente, vou abrir mais portas para ela e para parar esta coisa de me esconder debaixo da cama com as luzes apagadas, enquanto ela toca a campainha. É certo que sua irmã gêmea, a alegria, também fará a maioria dos meus dias, apesar de eu continuar sonhando e me decepcionando com as pessoas. Mesmo ocorrendo terremotos, tsunamis, as perdas inevitáveis e necessárias. Não é errado estar triste. Fugir é errado e nem todos os que lá vivem por viver. A partir de hoje eu quero tudo, todas as emoções. E não há necessidade de qualquer fundo do poço para isso. Afinal, a tristeza só existe porque eles jogam para ver. De frente.
Desculpe.

Michael Jackson
Dezembro 2005

6 comentários:

  1. Amiga, vc traduziu essa carta diretamente do video?
    Parabéns pelo empenho.

    Ou eu sou muito sensivel ou o conteúdo dessa carta é muito forte.

    Me quebrou por dentro.Não vou comentar a carta em si, eu iria ficar falando e falando.. é como se pudéssemos sentir toda a tristeza do nosso anjo.

    Quanta dor em seu coração.

    Eu nunca li essa carta em nenhum outro lugar. Vc sabe como ela veio a público? Quero dizer, em uma entrevista ou algo assim?

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga...

    Obrigada... a gente vai fazendo o que pode pelo nosso anjo, né? ♥

    Sim, foi direto do vídeo. Lá no YT, com o vídeo em tela maior deu para ir lendo e copiando para traduzir.

    Eu também fico muito sensibilizada com essas coisas, dá um aperto no coração...

    Eu também não me lembro de ter lido esta carta em outro lugar, só neste vídeo. Pela forma como está narrado, parece ser de Michael, eu acredito.

    É uma pena que não haja mais informações sobre como ela veio a público.

    Peninha do nosso anjo. ♥

    ResponderExcluir
  3. Essa carta impressiona, mesmo.
    .............
    que lindas as imagens que vc colocou no banner no alto da página e no rodapé desse blog, em Neverland e no rancho Caribou.

    E não é que ele leva jeito para cowboy?
    A gente sabe que ele era bom até para ordenhar!!
    Muito perfeito esse menino!!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Sherlock. Michael e a natureza também tem tudo a ver né? ♥

    Aaa qual a habilidade que falta a esse anjo não é?

    PERFECT MICHAEL ♥

    E nós fomos abençoadas de conhecer um anjo aqui no nosso mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi eu falar em Michael cowboy e nessa noite eu sonhei que Michael estava em um palco cantando e dançando músicas country kkkk precisava te contar essa!!

      Excluir
  5. Imagine se não ia ficar legal ele cantando assim também.
    Gstoso sonhar com esse anjo.

    ResponderExcluir